Tag: Paraopeba

Exibindo posts: Mais recentes Mais lidas
| Publicado 14/01/2022 por Coletivo Paraopeba

Chuva piora situação de atingidos pela Vale e MPMG anuncia adiantamento de programa de transferência de renda

Reunião aconteceu nessa quinta-feira (13), no Sindicato dos Petroleiros de Minas Gerais, em Belo Horizonte.

| Publicado 11/01/2022 por Movimento dos Atingidos por Barragens

NOTA | Tragédias em MG: o resultado de um modelo que produz destruição e morte

Diante de chuvas intensas no estado, comunidades que vivem no entorno de barragens de água e rejeitos da mineração sofrem com a negligência de grandes empresas que colocam atingidos em situação de extrema vulnerabilidade

| Publicado 02/12/2021 por Movimento dos Atingidos por Barragens

NOTA | Judiciário reforça impunidade no caso Brumadinho

O Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) repudia a transferência da competência da justiça estadual para a federal para julgar a ação penal relacionada ao crime de Brumadinho. MPMG recorreu da decisão

| Publicado 04/02/2021 por Movimento dos Atingidos por Barragens

Nota | MAB irá recorrer ao STF, após acordo entre Vale e governo de MG sobre Brumadinho

Movimento não aceita valores rebaixados, falta de participação nas negociações e estuda entrar com recurso no Supremo para garantir reparação integral aos atingidos da bacia do rio Paraopeba

| Publicado 26/01/2021 por Claudia Rocha / Comunicação MAB

Marco dos dois anos do crime da Vale em Brumadinho tem atos simbólicos nas cidades da bacia do Paraopeba

Por conta da pandemia, ações foram realizadas com distanciamento social, em locais abertos e com os participantes de máscara

| Publicado 22/01/2021 por Rafaella Dotta - Brasil de Fato MG

Manobra jurídica pode dar maior garantia de acordo entre Vale e governo de Minas

Atingidos denunciam que mudar processo para 2ª instância favorece interesses da mineradora. Reunião aconteceu nesta quinta-feira (21)

| Publicado 13/01/2021 por Coletivo de Comunicação MAB MG

Pescadores e agricultores ainda lutam por reparação dois anos após rompimento em Brumadinho

Atividades econômicas diretamente impactadas pelo crime da Vale até hoje não conseguiram voltar à normalidade com a falta de assistência da empresa e o Paraopeba poluído

| Publicado 12/01/2021 por Coletivo de Comunicação MAB MG

“Conhecimento ancestral tem valor”, afirmam comunidades religiosas de matriz africana sobre a destruição do Rio Paraopeba

Representantes de povos tradicionais que vivem às margens do Paraopeba destruído contam a importância do rio para a perpetuação dos rituais e sobrevivência nos territórios

1 2 3