Artigos

Exibindo posts: Mais recentes Mais lidas
| Publicado 03/10/2020 por Ana Penido, Olívia Carolino

ARTIGO | Soberania popular em três tempos

A soberania popular é uma condição fundamental para um projeto de país

| Publicado 05/07/2021 por Thiago Alves / Coordenação nacional do MAB

A Vale e seu racismo contra mulheres e crianças negras

Em seu segundo artigo sobre a luta antirracista dentro da militância do MAB, Thiago Alves traz depoimentos sobre mulheres de Minas Gerais que relatam como elas e seus filhos vivem o racismo no contexto da luta por reparação dos crimes da Vale e Samarco/Vale/BHP no estado.

| Publicado 27/05/2021 por Coordenação MAB Bahia

22 anos de luta e resistência dos atingidos no oeste da Bahia

Comunidades ribeirinhas das bacias do Rio Corrente e do Rio Carinhanha se mobilizam permanentemente para impedir a instalação de Centrais Hidrelétricas e Usinas Hidrelétricas na região, temendo pela degradação dos ecossistemas dos quais extraem sua sobrevivência. Recentemente, projetos já arquivados têm sido rediscutidos, colocando essas populações sob ameaça.

| Publicado 21/12/2020

Vale quer emplacar jornada de 12 horas de trabalho em Congonhas, MG

Em parceria com o Sindicato Metabase Inconfidentes, MAB e outras organizações denunciam a nova “proposta de trabalho” imposta para os trabalhadores

| Publicado 08/06/2020

À beira do colapso: a situação das barragens nos Estados Unidos

Meu trabalho com o MAB e as conversas com pessoas atingidas por barragens de todo o mundo me fizeram querer investigar as seguintes perguntas: qual é o estado das barragens em meu próprio país, os Estados Unidos, em 2020? Temos preocupações sobre a segurança delas? Poderia haver um rompimento de barragem aqui? O que aconteceu em Brumadinho pode acontecer aqui? Quem controla essas barragens, e quem “se beneficia” da energia?

| Publicado 06/09/2020 por Robson Formica da Coordenação Nacional do MAB

Artigo| Quase 200 anos após “grito”, qual independência, de fato, temos?

Com um processo com pouca participação popular, o Dia da Independência em 1882 nos faz refletir o quão colônia o país continua a ser ao atender interesses imperialistas

| Publicado 16/03/2020

Artigo: ser mulher atingida é obrigatoriedade de reinventar-se cotidianamente

Como dizer o que não encontra palavras? Nos carece no mais alto dicionário uma descrição precisa das imagens de 5 de novembro de 2015. E para os que tiveram olhos atentos, ver a história se repetir em tragédia no dia 25 de janeiro de 2019. Os rompimentos são a interrupção de dezenas de vidas que viraram centenas e serão milhares.

1 2 3 4 5 9