MAB participa de encontro no País Basco com organizações que lutam contra transnacionais violadoras de direitos

Movimentos sociais latino-americanos e espanhóis reforçam solidariedade internacional e articulam ação conjunta contra empresas espanholas

Entre os dias 11 e 13 de maio, representantes do Movimento dos Atingidos por Barragens – MAB estiveram presentes no encontro “Reforçar a aposta internacionalista frente ao poder corporativo“, que aconteceu no município de Artea, no País Basco – Espanha.

O MAB esteve presente na atividade a convite do Observatório de Multinacionais na América Latina (OMAL). O evento teve como proposta a construção de uma rede espanhola de mobilização e incidência frente ao poder corporativo, que viola direitos básicos da população de diferentes países através da atuação de empresas transnacionais de diferentes setores. Ao longo dos dias, ocorreram análises de conjuntura da política econômica da Europa e da América Latina, além de um balanço das iniciativas de regulação dessas empresas.

“Várias transacionais espanholas de energia atuam no Brasil. São hidroelétricas e distribuidoras de energia, entre outras empresas que utilizam de seu poder para violar direitos humanos através de uma arquitetura política e jurídica que captura o Estado brasileiro e garante sua impunidade. Para enfrentar essa situação, é fundamental a aliança com organizações que atuam em território espanhol”, afirma Moisés Borges, integrante da coordenação nacional do MAB.

Para Gonzalo Fernández, presidente de OMAL-Paz con Dignidad, a luta contra o poder corporativo é também uma luta contra o fascismo.

“Reunimos militantes de diferentes territórios e países contra o poder corporativo durante três dias. A principal conclusão é que redobraremos nossos esforços para melhorar nossa articulação no nível do Estado espanhol e com organizações latino-americanas aliadas para fortalecer nossas lutas contra o capitalismo, embora vestido de verde e digital”, afirmou.

Vamos parar o fascismo! vamos acabar com a mercantilização, apropriação e exploração da vida!

Conheça a campanha global contra o poder das corporações e seus crimes contra a humanidade.

Ícone "Verificada pela comunidade"




Ícone "Verificada pela comunidade"




Ícone "Verificada pela comunidade"

¡

Conteúdos relacionados
| Publicado 27/10/2020 por Claudia Rocha / Comunicação MAB

Em rodada de debate do tratado sobre transnacionais na ONU, organizações pedem maior responsabilização de empresas

Movimentos que representam populações afetadas por violação de direitos humanos em diversos países participam da construção do Tratado; na 6ª edição da discussão anual, continua cobrança por centralidade nas empresas

| Publicado 23/06/2022 por Coletivo de Comunicação do MAB ES

Organizações capixabas denunciam na ONU impunidade da Vale e realizam ato de protesto em frente à escritório da empresa no Brasil

Denúncia internacional aconteceu durante encontro do Grupo de Trabalho da ONU sobre Empresas Transnacionais e Direitos Humanos