NOTA | Governador Camilo Santana isenta tarifas de água para famílias de baixa renda no Ceará: exemplo a ser seguido

Em nota MAB comemora medida anunciada pelo governo no Ceará em meio ao agravamento da pandemia; “que a medida do governo Camilo sirva de exemplo ao governo federal e governadores no Brasil”

O governador Camilo Santana (PT), do estado do Ceará, anunciou a isenção por dois meses da tarifa de água em todo estado, aproximadamente 726.96 mil famílias de baixa renda, urbanas e rurais serão beneficiadas. Medidas como essa são essenciais diante do agravamento da pandemia em todo o Brasil.

Desde o inicio da pandemia o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), tem apresentado, uma série de medidas necessárias para serem implementadas pelo governo federal em especial, estados e municípios, com relação as tarifas de luz, água e gás de cozinha, para que o povo trabalhador pudesse atravessar a pandemia com mínimo de dignidade e condições, para se manter em casa. Após diversas mobilizações os brasileiros conseguiram quatro meses sem pagar a luz elétrica, que é o item essencial mais caro na cesta básica do povo.

Em pleno avanço da Covid-19, colapso no sistema de saúde público e privado em todos os estados, e mais 268 mil vidas perdidas, o governo Bolsonaro, ainda não tem um plano serio de vacinação, segue negando as medidas de isolamento social, e é contra o auxílio emergencial de R$ 600, sem tomar nenhuma medida concreta para salvar vidas. Até mesmo o governo norte-americano, tido como modelo para uma grande parcela das elites brasileiras, agora administrado por Joe Biden aprovou um pacote de 1,9 trilhões de dólares para salvar a “vida e a economia”. Esse deve ser o papel do estado nesse momento, por este motivo reconhecemos a importância do ato do governador Camilo Santana em retomar as medidas, iniciando pela tarifa de água das famílias que mais precisam neste momento no estado.

Desta forma reafirmamos a urgência de haver medidas nacionais de subsidio e isenção das tarifas de luz elétrica, água, gás de cozinha e o controle do preço dos alimentos enquanto durar a pandemia da Covid-19. Que a medida do governo Camilo sirva de exemplo ao governo federal e governadores no Brasil. 

A vida deve estar acima do Lucro!

Conteúdos relacionados
| Publicado 03/07/2020 por Movimento dos Atingidos por Barragens

Trabalhadores conquistam continuidade na isenção da Tarifa Social de Energia

Governo Federal anuncia a prorrogação da Medida Provisória 950/20 por mais 60 dias

| Publicado 11/06/2020

Atingidos distribuem mais de 500 cestas básicas no Amapá



O MAB no Amapá vem organizando as comunidades atingidas e lutando por reconhecimento de direitos e compensações, pelas mortes de peixes consequências dos empreendimentos hidrelétricos no rio Araguari, no município de Ferreira Gomes

| Publicado 11/06/2020

Lutar não é crime: atingidos e atingidas em defesa dos direitos humanos!

Decisão obtida pela Vale determina proibição de manifestações nas vias de acesso à Brumadinho

| Publicado 13/03/2021 por Movimento dos Atingidos por Barragens

Governo da Paraíba isenta tarifa de água para 26 mil famílias e anuncia outras medidas

Conjunto de medidas anunciadas pelo governo beneficiarão milhares de famílias paraibanas; MAB cobra “que exemplos como esses sejam mais comuns para os demais estados e para o país”

| Publicado 14/05/2021 por Coletivo de Comunicação MAB MA

MAB se reúne com Secretaria de Direitos Humanos no Maranhão para discutir crime de Aurizona

Atingidos pelo rompimento de barragem da Empresa Equinox Gold, em Godofredo Viana (MA), enfrentam problemas de acesso à água e assistência médica, entre outros

| Publicado 22/08/2020 por Movimento dos Atingidos por Barragens

Nota do MAB sobre o rompimento da tubulação na barragem Jati, no Ceará

Em nota, o MAB ressalta a importância da fiscalização das barragens no Brasil diante da insegurança que vivem milhares de famílias