Lula envia carta ao MAB no dia internacional de luta dos atingidos

Neste 14 de março, Dia Internacional de Luta Contra as Barragens, em Defesa dos Rios e da Vida, e data em que o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) completa […]

Neste 14 de março, Dia Internacional de Luta Contra as Barragens, em Defesa dos Rios e da Vida, e data em que o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) completa 27 anos de fundação, o companheiro ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – preso injustamente em Curitiba – envia carta parabenizando o movimento e fazendo um chamado à luta.

Este ano, o dia de luta dos atingidos e atingidas por barragens ocorre num contexto muito triste, após mais um crime da mineradora Vale, desta vez em Brumadinho (MG) – o maior crime trabalhista da história do Brasil e um dos maiores crimes socioambientais junto com o desastre de Mariana. Hoje é um dia de luta também porque completa um ano o assassinato da vereadora Marielle Franco, no Rio de Janeiro.

Exigimos justiça! Águas para vida, não para morte! Água e energia com soberania, distribuição da riqueza e controle popular.

Conteúdos relacionados
| Publicado 03/07/2020 por Movimento dos Atingidos por Barragens

Trabalhadores conquistam continuidade na isenção da Tarifa Social de Energia

Governo Federal anuncia a prorrogação da Medida Provisória 950/20 por mais 60 dias

| Publicado 11/06/2020

Atingidos distribuem mais de 500 cestas básicas no Amapá



O MAB no Amapá vem organizando as comunidades atingidas e lutando por reconhecimento de direitos e compensações, pelas mortes de peixes consequências dos empreendimentos hidrelétricos no rio Araguari, no município de Ferreira Gomes

| Publicado 11/06/2020

Lutar não é crime: atingidos e atingidas em defesa dos direitos humanos!

Decisão obtida pela Vale determina proibição de manifestações nas vias de acesso à Brumadinho