Com luta, atingidos conquistam limpeza de córrego em Pedro Alexandre (BA)

Foto: Coletivo de Comunicação MAB A população atingida por barragens e pelas enchentes no município de Pedro Alexandre teve uma conquista importante em decorrência da organização e luta das famílias. […]


Foto: Coletivo de Comunicação MAB


A população atingida por barragens e pelas enchentes no município de Pedro Alexandre teve uma conquista importante em decorrência da organização e luta das famílias. Na segunda-feira (11), o canal que corta a cidade começou a ser limpo.


No período do rompimento da barragem do Quati, o excesso de chuvas e a falta de manutenção do canal por parte da prefeitura deixou três ruas alagadas obrigando dezenas de famílias a saírem de suas casas.


O problema da manutenção e limpeza do canal é antigo, anterior ao rompimento da barragem, e é alvo de denúncias e inúmeras solicitações de resoluções por parte das famílias atingidas. A convivência diária com a situação causa muita dor e sofrimento aos atingidos, com pessoas apresentando problemas emocionais, psicológicos, necessitando de cuidados médicos – o que sempre se agrava a cada período chuvoso. Com as cheias e a falta de manutenção no canal, as famílias têm suas vidas ameaçadas, porque as moradias já estão danificadas e elas não têm para onde ir.


Diante da gravidade da situação, da inércia e morosidade do poder público local, as famílias atingidas organizadas no MAB solicitaram intermediação do Ministério Público Estadual para solução do problema, e quatro meses depois do rompimento da barragem a reivindicação foi atendida.


Garantir a limpeza do canal é uma importante vitória dos atingidos, principalmente diante do contexto de lutas e enfrentamentos atuais. É uma vitória importante, porém ainda parcial, pois outras reivindicações como a reconstrução e reforma das casas, a regularização das cestas básicas e a reconstrução da barragem seguem sem resolução.


Continuaremos vigilantes, atentos até que os direitos das populações atingidas sejam garantidos de forma integral.


Águas para a vida não para a morte!


 

Conteúdos relacionados
| Publicado 21/12/2023 por Coletivo de Comunicação MAB PI

Desenvolvimento para quem? Piauí, um território atingido pela ganância do capital

Coletivo de comunicação Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) no Piauí, assina artigo sobre a implementação de grandes empreendimentos que visam somente o lucro no território nordestino brasileiro