Militantes do MAB panfletam na grande São Paulo

  por Leonardo Manffré da Convergência de Comunicação dos Movimentos Sociais Integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens realizaram, na manhã dessa quarta-feira (04), diversas panfletagens pela cidade de São […]

 

por Leonardo Manffré

da Convergência de Comunicação dos Movimentos Sociais

Integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens realizaram, na manhã dessa quarta-feira (04), diversas panfletagens pela cidade de São Paulo. A ação consistiu em distribuir a edição especial do jornal Brasil de Fato, “Atingidos por Barragens”.

Por volta das seis horas da manhã, cerca de sessenta integrantes do movimento seguiram em direção ao centro da capital paulista e se estabeleceram na estação de metrô Sé. Por toda a travessia os presentes entoavam gritos de ordem e esclareciam à população o objetivo da atividade.

Marco Antônio, integrante do MAB, alerta que o atual modelo energético brasileiro não é um problema somente para os atingidos diretos pela barragem, por isso todos devem estar informados. “Estamos tentando trazer a mensagem para o povo de que não só nós, atingidos pela barragem, somos atingidos. Aqui a população paga a quinta maior tarifa de energia do mundo”. Marco ainda convoca: “Estamos chamando o povo para ajudar nessa luta contra os altos preços da energia, contra a construção de barragens e contra a exploração dos nossos rios, do meio ambiente, pelas empresas construtoras de barragens”.

A edição do Brasil de Fato trata das complicadas relações existentes no atual modelo energético brasileiro. A forte influência das grandes empresas transnacionais, a privatização de fontes energéticas e as consequências disso para a população, especialmente para os já atingidos, foram os temas abordados.

“A gente está conseguindo exibir um importante material para conscientização das pessoas no grande centro aqui de São Paulo e eu acredito que isso vai mudar a maneira de como as pessoas pensam a atuação das grandes empresas”, afirma Teresa Maciel Pessoa, pescadora profissional no município de Alecrim, Rio Grande do Sul.

No mesmo momento outras dezenas de pessoas de diversos estados brasileiros panfletavam em outros sete pontos da cidade: Lapa, República, Anhangabaú, Santa Cecília, Parque Dom Pedro, Consolação e Masp. A ação faz parte das atividades do Encontro Nacional do MAB, que acontece em Cotia, região metropolitana da capital paulista, desde o dia 02 e se encerra amanhã, dia 05. 

Foto: Giuliano Conti